segunda-feira, 13 de Dezembro de 2010

Freguesia de Canidelo/V.N.Gaia, Largo e Avenida da Igreja, Capelas de Santo António e Almas e de Nossa Senhora da Guia, Cruzeiros do Adro, Igreja


*

Freguesia de Santo André de Canidelo na Cidade de Vila Nova de Gaia: Avenida e Largo da Igreja, Capela de Santo António e Almas, Capela de Nossa Senhora da Guia, Cruzeiros da entrada do Adro da Igreja Paroquial e do Cemitério, Igreja Paroquial e Casa do Paço, Casa do Sá; algum do espólio neste lugar da Igreja.


/

Cruzeiro à entrada do Adro da Igreja (existem dois iguais)


/
*
Avenida da Igreja - local onde se situa o salão paroquial e as salas de catequese.
Igualmente aqui se situam o lavadouro público e as duas capelas aqui apresentadas.
A Igreja é ao fundo da avenida e no cimo de uma escadaria que nos leva á porta principal.


/
/
Adro da Igreja e parte do largo fronteiriço (ao fundo nova urbanização)
As novas urbanizações proliferam por toda a freguesia de Canidelo, mas, será sempre pouca a habitação condigna numa freguesia que cresceu de 63o habitantes em 1739 para cerca de 50.000 em 2010, portanto em 271 anos. Uma das razões para este crescimento brutal e por vezes anárquico, da construção, foram, em tempos remotos, a agricultura e as pescas que aqui se praticavam, depois, a era industrial com as fábricas que aqui se instalaram e, ultimamente e de maior incidência a procura da orla marítima por várias razões, como, a do lazer e dos ares não poluídos das cidades do Porto e de Gaia, que, cresceram desmesuradamente.

*
CAPELA DE SANTO ANTÓNIO E ALMAS

/


/
*
Data de 1771 e é pertença da paróquia.
/


/


/

A imagem de Santo António data do séc XVIII - 1771 - é em madeira e, é único exemplar.

/
Santo António e... o menino



*
CAPELA PARTICULAR DE NOSSA SENHORA DA GUIA


/


/


/
/


*
CASA DO SÁ
/


/

*
Muito habitual é agora dizer-se, quando se pretende contar algo sobre o passado, "eu ainda sou do tempo em que" . Pois bem, inicio então, para contar esta história, que, eu ainda sou do tempo em que, - não, não é que sou do tempo da fundação deste magnífico "palácio" , porque, para isso teria eu que existir já desde o século XVII ou XVIII, - sou sim do tempo em que os antigos proprietários da família do Senhor Sá, tinham ali uma loja de comércio que, comparada ao nível dos dias de hoje, seria a grande superfície comercial, com tudo possível e imaginário para servir uma população já de muitos milhares. Decorriam os anos de 1957 a 1960 e, ali ia eu aos domingos de manhã, nas fugas de ir à catequese, com uns centavos (tostões) na mão, para comprar um ou dois caramelos ou rebuçados. E, lá ia eu entretido a desembrulhar o papel e logo a danificar os dentes com aquelas doçarias.
/


/


/
Cruz cimeira no portal principal e nicho em pedra trabalhada

/
Única na freguesia - janela com decoração em pedra trabalhada

/
Único na freguesia - janelo com decoração em pedra trabalhada

/
Fino trabalho a cinzel e escopro, na pedra

/
Uma das estradas para as praias e para a zona baixa de Canidelo
/
Do outro lado dos campos, casario da zona central mais antiga de Canidelo
/
Seria assim no século XVII (?)
/
Antiga casa de habitação(?) ou celeiro (?)
/
*
Igreja de Santo André de Canidelo - Nesta igreja terão sido baptizados todos os meus avós e tios avós, até á quarta geração de um lado e, quinta ou sexta geração do outro (falta-me apurar os anteriores àqueles). Como esta igreja data de 1739 e, como actualmente a população de Canidelo rondará os cinquenta mil habitantes e, sendo que na fundação da mesma teria cerca de somente seiscentos habitantes, poderemos afirmar que, foram muitos milhares de milhões de Canidelenses e seus antepassados que usufruíram das Bençãos desta Igreja.
É minha pretensão, com este simples comentário, homenagear todos quantos por aqui passaram; pelo Baptismo, na Catequese, nas Comunhões, pelo Casamento e, na derradeira hora de partir.
/
Ao fundo, a igreja, a casa do Paço e o antigo edifício de apoio às actividades da Igreja; Sacristia, salas de catequese, salão dos Andores. Ali, funcionou também a primeira casa mortuária.
Em primeiro plano, a rua que nos leva á parte mais antiga da freguesia; o interior do lugar de Canidelo.


/
Paço onde habitou D. Pedro e D. Inês de Castro


/
Pintura a aguarela! ... digital - o largo da igreja
*
textos de Joãodamestra
*
majosilveiro

4 comentários:

  1. realmente,vç tem sempre uma coisa interessante para escrever deste lindo lugar.....canidelo;evaristo

    ResponderEliminar
  2. Que bom foi ver aqui tão bem representado,um dos lugares mais significativos,da nossa Freguesia de Canidelo,o lugar do Paço.Há quem diga,que Canidelo não tem uma grande beleza arquitetónica,e até posso concordar com os que dizem isso,mas os meus olhos dizem-me o contrário!Se juntarmos as várias fotos já publicadas neste blog,o nosso blog de Canidelo,verificamos que Canidelo é de facto uma freguesia com muita beleza.Pena que nem sempre os Canidelenses,lhe dispensem mais atenção,e a defendam de quem a despreza e querem destruir,como aconteceu com a Escola Marques Gomes,ou a prevista destruição de uma grande parte da Quinta Marques Gomes,que podia e devia ser um exemplo digno da nossa Freguesia.Zé do Hermes

    ResponderEliminar
  3. Quem sabe um dia, eu venha a conhecer este lugar tão aconchegante... e tão bem descrito por voce meu amigo...

    ResponderEliminar
  4. VIA FACEBOOK:

    Rosa Maria Silva Isto é que é uma freguesia com ar de cidade. Aqui não falta nada. Tem qualidade de vida, gente hospitaleira,temos quase tudo o que precisamos na nossa freguesia( já agora faço um apelo, ajudem os pequenos comerciantes, façam compras cá dentro)por tudo isto eu sou uma preveligiada porque vivo aqui.
    há 4 horas · Gosto · 2 pessoas

    Manuel Joao Monteiro - Rosa Maria Silva, Obrigado pelo comentário. Não se importa que o transfira para o local dos comentários do blogue? Abraço.

    Rosa Maria Silva; Sr. Manuel João não me importo nada, muito pelo contrário, fico orgulhosa que aprecie os meus comentários pois faço-os de coração. Tenho mesmo muito orgulho de ter nascido e viver nesta bonita freguesia. Um abraço para si também.

    ResponderEliminar